muxx


passos democráticos
June 25, 2007, 5:28 am
Filed under: DEMOCRACIA, EAST TIMOR, ELEIÇÕES, TIMOR LESTE | Tags:

timor 2006 antes das eleições parlamentares

agora podia escrever um longo ensaio sobre envolvimento em movimentos democráticos, sobre o percurso errático necessário à descoberta dos limites da liberdade ou sobre o esforço de reconhecimento de liberdade colectiva em oposição a – ou como instrumento de definição de limitações da – liberdade individual, mas num momento tão activo como o de agora em Timor sobra-me pouco tempo para a escrita.

algumas impressões merecem ficar registadas. as caras e as idades dos que por todo o país discutem fogosamente liberdade, democracia e perspectivas de futuro deixam ver expressões faciais de interesse e esperança que quase parecem universais. o afinco com que as afirmações são feitas e os desenvolvimentos das próprias afirmações em curtos intervalos temporais – hoje lutamos por isto, hoje não lutamos mais por que não ganhámos muito com a luta, hoje devemos pedir a todos para não lutar senão os nossos filhos vão só ser lutadores iguais a nós sem oportunidades para se tornarem melhores e com mais capacidade que os pais – trazem-me a uma espécie de twilight zone de memórias, quase todas elas televisivas ou fotográficas.

num recente encontro entre partidos (representantes locais todos juntos) e comunidade para discussão de estratégias locais de paz e liberdade revi o que imagino devam ter sido alguns dos temas quentes depois da queda da nossa portuguesa ditadura. que limites vamos impôr a nós próprios e à nossa liberdade desconhecida em prol de um benefício para toda a comunidade? onde é que afinal nós queremos, em conjunto, chegar com esta liberdade toda? quanto tempo demoram a democracia e a liberdade a dar frutos? o que queremos para os nossos filhos? quais são as nossas limitações para a afirmação da democracia? agora que não precisamos de lutar ou de nos esconder vamos fazer o quê como indivíduos?

vi nos olhos das várias gerações presentes – as que discutem política – esperanças muito diversas em forma e conteúdo. os jovens que esperam ainda obter algo para eles, os mais velhos a pensar na família, os mesmo mais velhos a pensar na aldeia toda. imaginei as mesmas gerações em portugal nos anos a seguir ao 25 de abril, motivados, todos a pertencer a um partido ou a outro, positivos – fossem quais fossem os motivos, esforçados por perceber mais de política, assustados por terem novas responsabilidades sociais. não digo, nem sei, se essas gerações terão tomado as decisões acertadas. sei, no entanto, que nascido em 1976 e como filho de uma democracia ainda bebé, me safei e vejo os da minha idade safarem-se com bastante mais facilidade e possível participação e esperança no seu mesmo futuro do que algumas gerações anteriores. a estas agradeço o envolvimento na construção da nossa democracia, o compromisso com a paz e estabilidade que para os da minha geração foram tão benéficos. talvez essas gerações esperem agora o prémio pelo seu investimento nos que nunca viveram senão em liberdade.
aos timorenses desejo-lhes sorte nestes momentos que me fazem parecer viver num documentário e re-olhar para as minhas próprias raízes.


4 Comments so far
Leave a comment

excelente. very reflective and profound. i feel so priviledged to be sitting next to a lyrical genius!

Comment by Angela

So para dizer que fiz anos e nao tive direito a um espacozinho neste “bilogui”!!!
Ja era de esperar!!!

Comment by T.

O texto até está bom, agora andares a escrever auto-elogios sob pseudónimo é que já era escusado.

Comment by guictx

não sou eu que os escrevo. eu pago é à angela para os escrever, que assim ficam em linguas estrangeiras.

Comment by mmux




Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s



%d bloggers like this: