muxx


vidas aborrecidas
August 28, 2007, 9:54 am
Filed under: Dili, TIMOR LESTE | Tags:

o mmux quer hoje partilhar uma preocupação que o tem assolado desde há quase duas semanas atrás. para ser mais especifico, a assolação começou no passado dia 11 de Agosto, quando o mmux recebeu um convite para participar num workshop em geneva (genebra? geneve?). depois do contentamento inicial por ter uma inesperada oportunidade de visitar a europa, seguiu-se a famigerada frase que alterou para sempre a perspectiva de vida do mmux “We also request that you provide M. S. two “interesting”/little known facts about yourself either personal or professional (i.e. worked in East Germany the day the Wall came down or has snowboard in 4 or the 5th continents) by the 18 August.“. depois de muito pensar e de não ter encontrado nenhum facto verdadeiramente extraordinário que tivesse marcado a sua vida, o mmux fechou-se em copas e decidiu adiar o mais possível pensamentos relacionados com o assunto. foi no passado dia 20 que um aviso chegou à caixa do correio electrónico, e dizia “é favor mandar o facto interessante que marcou a sua vida, o mais depressa possível. faz favor, não o partilhe com outros colegas que venham a participar no workshop porque o facto interessante fará parte de um exercício de grupo”!!!

o último e-recado só veio piorar a indecisão. mas que factos podia o mmux apresentar? que viajou por sete ou oito paises da asia e mais sete ou oito da europa? não parecia fazer muito sentido apresentar isto como muito interessante num workshop cheio de gente a trabalhar em emergências pelos quatro cantos do mundo. talvez o facto interessante nesse contexto fosse que “o mmux SÓ visitou estes países assim assim”. mais, o mmux estudou lá fora, o que também não seria muito interessante de dizer no meio de gente com muito mais estudos que o mmux, e com mestrados e doutoramentos e tal. o mmux trabalha em timor há quatro anos. não parece a esses profissionais uma grande coisa. para acabar, o mmux pensou que realmente não, nunca esteve num momento como a queda do muro de berlim e também não, nem sequer nunca esteve nos cinco continentes muito menos fez snow board em quatro deles. e não, também nunca fez nada sequer comparável a estas tremendas façanhas.

o mmux acabou a escrever um email ao M. S. a dizer “desculpa lá M. S., mas dei-me agora conta de que a minha vida tem sido uma vida muito aborrecida e pobre em momentos de grandeza. falhei sempre os momentos de viragem decisivos para a história política recente: cheguei à croácia em 2000 – tarde demais para ser qualquer coisa extraordinária e nessa altura já a croácia se regenerava como destino turístico, se assim não fosse nem me passaria pela cabeça lá ir; à bósnia em 2000, por 20 minutos e cerca de 20 km numa faixa que eles têm à beira do mar e que corta a croácia em duas partes. A passagem pela Bósnia foi um erro e quando entrei no autocarro de Spli para Dubrovnik nem sabia que tinha que atravessar um bocado da Bosnia-Hierzgovina. de qualquer modo no sítio onde passei estava tudo pacifico; em itália assisti a uma grande manifestação que antecedeu a de Génova – aquela em que os carabinieri atropelaram várias vezes a mesma pessoa – mas na que eu assisti só houve meia dúzia de feridos; a timor cheguei um ano depois da independência, portanto nada de extraordinário, e ainda não saí de cá, menos extraordinário ainda for para comparar com gente a trabalhar no afeganistão, sudão, e outros aõs e aques; na tailândia perdi o golpe de estado por umas semanas, mas pelo menos tenho um amigo que lá estava no mesmo dia; das bombas de bali também me safei, não estava lá mas houve uns quantos que também conheço que ouviram as explosões; nos outros paises que visitei não aconteceu nada enquanto eu la estava nem, que eu saiba porque não tenho televisão há quatro anos, aconteceu qualquer coisa de extraordinário depois. Além disso sempre fiz ski em vez de snow board, e só na espanha.

Fique, no entanto, o senhor M. S. descansado que procurarei doravante, com toda a certeza, fazer qualquer coisa de extraordinário na minha vida e mantê-lo informado. Com os melhores cumprimentos, mmux.

Agora ando ansiosamente a pensar em alternativas.


13 Comments so far
Leave a comment

vais-me desculpar mas assim de repente lembro-me de uma tal historia, q me fartei de rir(quase fiz xixi!) qd estavas em bali e apareceu aquela cobra em q td o mundo foi ajudar e pensaste q n ias sair dali vivo! acho q devias mandar essa!beijoes

Comment by lena

tens sempre a festa dos tabuleiros…

Comment by hau

Eu estava na Bósnia contigo! E só de ler o et post fartei-me de rir!…

Grande abraço!

Comment by Cervejas

Caro M.S.
Sou agricultor desde os 18 anos, com licenciatura e tudo, e passei 3 anos da minha vida a tentar plantar coisas que não cresciam, devido a galinhas e outros bichos nos sitios mais reconditos de TL. Finalmente descobri que as varandas dos prédios são o melhor lugar para o crescimento de plantas que mostro com o maior sorriso do mundo a qualquer pessoa que passe pela minha casa… E tenho fotos para comprovar… talvez tenha em minha posse as rucolas, manjericão, salsa e coentros mais fotografados do planeta…
Os melhores cumprimentos, e até breve,
Mmux

Comment by Margarida

parece-me que a margarida está a ganhar, muito obrigado pelo conselho (este conselho é com cê ou com ésse?).

Comment by mmux

podes contar aquela em Oecusse quando o teu chefe ficou pendurado com as sacas de arroz a entrar para o barco ou uma coisa assim desse género…na altura, fartámo-nos de rir… mas só o teu post é uma risota! beijos

Comment by tiça

Eu continuo a achar que devias contar a história do carrinho de mão.

Comment by guictx

tiça, eu é que fiquei pendurado com as sacas do arroz na mão. não me parece que abonasse muito em meu favor. cartaxo, a cena do carrinho de mão não é para aqui chamada. cervejas, JADROLJNJA para ti também. lena, eles não iam acreditar. continua a margarida a ganhar.

Comment by mmux

penso que o facto de sermos amigos ja sera um facto extraordinario!!! Pelo menos para mim!!! Diz-lhes… huum… ou sera que tens algum receio… huummm…(por favor, emitir o som do huumm como o JRP)!!!

Comment by T.

Cá vão umas ideias…. Acho que Natarbora foi rico em experiências extra-sensoriais… podias contar ao M.S. sobre o teketeke…. De qualquer forma achei a tua resposta linda!!!! As coisas importantes na vida de uma pessoa não têm obrigatóriamente repercussões a nível mundial….. beijos…

Comment by Rosa

Pirmeiros:Caro Nuno,isto é para a caquinha de um exercício de dinâmica de grupo que durará pouco mais de 12,5 minutos dependendo do número de participantes. Serve como ice-breacking ou forma de interacção em pares que depois descreverão ao restante grupo a pessoa com quem conversaram acrescentando esse pequeno detalhe. Poderá ser também aproveitado como curiosidade numa lista escrita de participantes entregue à chegada ou antes de partires. Deve ser uma frase. uma só frase com qualquer coisa tipo vivo num país onde o nobel local já foi primeiro ministro e presidente da republica em menos de x tempo.

Segundos:Qualquer que seja a frase que escolhas, nunca mas nunca menciones carrinho de mão.

Terceiros: e se parasses de chamar a ti proprio mux. Isso é coisa de jogador de futebol ou cantante da diáspora. Podi?

Quartos: a minha mãe lê o teu blog…

Comment by alexandra

Primeiros: obrigado, a do nobel até pode ser de aproveitar. Segundos: podes ficar descansadinha que isso não vai acontecer
Terceiros: eu acho piada em disfarçar-me de cantor da diáspora. é exactamente esse o objectivo.
Quartos: vou tentar escrever poucas asneiras

Comment by mmux

E que tal uma alternativa em Hanoi, Vietman?!
Vai ver http://jobs.undp.org/cj_view_jobs.cfm

Comment by BB




Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s



%d bloggers like this: